Diva e o Serviço Nacional de Saúde – A Sequela

Amigas

Espero que tenham passado um Feliz Natal.

Eu, infortunadamente, hoje tive que voltar ao centro de saúde dos Anjos. Como sabem, saio de lá sempre com algo para vos contar. Pensava que nunca mais lá iria regressar. Estava enganada.

Cheguei ao local do crime às 7h30. Fui o caminho a correr, ao frio, e a repetir para mim mesma, “tenho que ser a terceira, tenho que ser a terceira..” Sim, porque nas urgências só existem 3 vagas/ dia por médico. O que é espetacular.

Ainda não tinha chegado ao destino quando, ao passar pela Igreja dos Anjos, vejo quem?! O 4 OLHOS! (se não conhecem esta figura incontornável da nata da Almirante Reis, por favor contextualizem-se com a crónica Diva e o Serviço Nacional de Saúde – Parte I) Não é que o safado estava a fazer um piquenique de litrosas às 7h25 da matina, ali mesmo no jardim? Afinal até é um homem organizado, quem diria? Este ser de outro mundo olhou para mim, os nossos 6 olhos cruzaram-se, e eu segui rumo o meu objetivo, deixando-o para trás.

Cheguei, então, à Mansão dos cuidados intensivos para a terceira idade, preparadíssima para receber a minha medalha de bronze.

Já lá estavam 7 cromos, entre os quais uma espertalhona que resolveu estacionar o carro à porta do centro e, no quentinho, esperar que abrisse. Até ressonava a bitch.. Só me apetecia fechar-lhe o bocadinho da janela que tinha deixado aberta para que asfixiasse. “À minha frente não passas desgraçada”, disse baixinho a olhar fixamente para ela. A fila é para os duros. Olha-me esta…

Ainda no seio desta gente gira, estava uma Traveca brasilena com um look semi sexy, semi Favela da Rosinha. Trazia um body que evidenciava o seu bumbum de silicone que tinha o diâmetro da minha cara x 10. Ouvia Cher altíssimo no seu iPod e era a primeira da fila. Deve ter saído do serviço cedinho e foi direta para lá. Perspicaz.

Quando só faltavam 15 minutos para os portões se abrirem, apareceu um senhor cego de bengala e óculos Raybini. Tinha uma amiga velhota, provavelmente da Igreja Evangélica, a guardar-lhe o lugar na fila desde cedo.

– “Mas como assim?! Agora há lugares cativos?!”-  Disse eu bem alto, de forma impulsiva.

Fiquei passada. Ainda por cima comecei a pensar, fazer um favor destes a alguém que tem a sorte de não ver aquele cenário? Quem não vê, não sente, sempre me disseram.

Respirei fundo e tentei ignorar mas, à minha frente, já estavam duas velhas indignadas a pagar as primeiras quotas da Associação contra Divas Insensíveis AKA Eu. Velhacas quadradas. Nem vê-las.

Já a ser mal interpretada, e totalmente excluída das conversas interessantíssimas que aconteciam na fila para o purgatório, encostei-me um pouco à parede da entrada. Foi quando reparei que, na minha direção, vinha um casal com um carrinho de bebé.

Via-se perfeitamente que a mãe é que estava doente mas trouxe a criança para usufruir da “caixa prioritária”. E como é lógico perguntou-me, logo a mim, se podia passar à minha frente.

“Nem pensar, não estamos no Minipreço.” –  Respondi, sem pestanejar.

Olha, olha…. Nem um bebé chinês, que são os seres mais amorosos do mundo até aos 4 anos, me faria ceder o meu lugar. Mais uma que as velhas apontaram na sua Bíblia contra a minha pessoa. Enfim, já estou habituada.

Eram 8h em ponto e, como é habitual, desceu à terra o Rei dos Anjos, o segurança que traz os nossos números. De peito cheio, fui receber a minha senha de bronze, confiante de que de hoje não passaria sem consulta.

Fui chamada ao guichet e percebi que a minha “amiga” do Finalmente não estava. No seu lugar, constava uma daquelas pessoas que morreu em 1987 mas que ainda não foi avisada. A Poupas.

Em modo Tomei 10 calmantes para aturar esta merda, disse-me a Poupas, sem olhar para a minha cara:

– “A sua médica está de férias.”

Só podia.

A sorte é que a Traveca recebeu uma chamada daquelas importantes, que valem alguns 150€ e teve que sair de “emergência”. Tresloucada, a correr para a saída, resolveu dar o lugar à mais gira. Eu, claro.

Obrigada Senhor.

Love

D.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s